Você que me lê, me ajuda a nascer.

sexta-feira, setembro 25, 2015

segunda-feira, setembro 21, 2015

segunda-feira, setembro 07, 2015

É sim de verdade.

Quando eu lembro dele eu acho que todas as vezes que eu escrevi que estava apaixonada não eram de verdade. Mas não é porque eu não tenha amado. É porque sempre foi tão fácil dizer e me ver apaixonada. E agora?
Agora eu não vejo nada não sei de nada não acredito em nada nem em mim tou desconfiada com medo assustada mas não da paixão nem dele é de mim é de mim. E eu que pareço sempre segura de mim e do que sinto tombei.

Tombei no amor. Mas que é bom é. Pelo menos não caí de cara no chão. Ele está ali segurando minha mão [caído de amores também].