Você que me lê, me ajuda a nascer.

segunda-feira, janeiro 31, 2011

Arrumando a casa.

Botando as coisas no lugar, outras tirando de vez.
Não estou preocupada com essas coisas de coração, não agora.
Mas não sei o que mais tem importância, agora.

E também acho que nem quero saber.
Quero cuidar de mim. Me abraçar quando acordo cedo, sentir meu cheiro, ficar comigo.
Sorrir, falar bobagens, estar em paz.

Perto de pessoas que me façam bem. Isso ajuda muito.
Uma grande lista para agradecer.

2 comentários:

Anônimo disse...

Você quer? Eu também.

Migh Danae. disse...

Quer? Cadê tu?