Você que me lê, me ajuda a nascer.

sexta-feira, junho 26, 2009

Medo.

Eu tenho medo de dormir em casa sozinha. Pode dar risada, mas é verdade. Venho pra sala e ligo a tevê. Fizeram uma festa aqui no domingo e tem bola de assoprar na varanda, quando o vento bate faz barulho e eu me assusto mais ainda. Bato as teclas bem alto para não ter medo, abro-fecho a porta, como outro miojo, troco de canal - a tevê deve ter raiva de mim, eu que nunca falo com ela agora fico toda cheia de amores -, caminho pela sala. Fico pensando qual a melhor saída: deixar a porta trancada ou a janela aberta. Convites para dormir não me faltam, mas eu me encolho no sofá e entre um sono e outro, tenho medo.
Toda sexta é assim, futebol e solidão aqui pros lados da Zona Sul.

3 comentários:

Rafa disse...

Fique com medo não.. Estou sempre contigo! Beijos!

Migh Danae. disse...

Mentiroooso!

Anônimo disse...

Ah! Gostei: "Toda sexta é assim, futebol e solidão aqui pros lados da Zona Sul." rsrs