Você que me lê, me ajuda a nascer.

terça-feira, março 17, 2009

She wants talk to me.

Se você estivesse ouvindo Billie Holiday, I am Blue, numa vitrola velha trocada por uma geladeira mais velha ainda e soubesse que ela quer falar com você, ela, só ela, também sorriria feliz.

Se eu te dissesse que está chovendo, e o barulhinho bom da agulha raspando no vinil acontece entre um pingo e outro dessa chuva, você entenderia o que é felicidade, além de todas aquelas outras coisas que eu digo aqui, fazem quatro anos.

I do, ou melhor, Oui.

3 comentários:

Caio disse...

Eu entendo perfeitamente e concordo. É isso mesmo. Billie, chuva, chiado e Billie.

Migh Danae. disse...

Billie, chuva, chiado e Billie.
Mas tem coisa que vem antes.
É Caio.

grace disse...

toca, que eu ouço...