Você que me lê, me ajuda a nascer.

terça-feira, fevereiro 13, 2007

Apressada come c(r)u.

Ei, ei, ainda não entrei no ritmo do trabalho, mas chego lá. Ontem eu: Ti troverò, un giorno. Questo è sicuro, perchè è impossibile. E ele: E quel giorno io mi farò aspettare da te. Merda de língua. A gente nunca sabe se entendeu tudo.

3 comentários:

Kelly Christina disse...

numa pesquisa no google sobre a revista BRAVO, achei teu blog!

salvei o link aqui e quero ler outros posts depois. do pouco que li, já gostei.

:)

1 beijo.
te escrevo mais depois.

quinta.15fev07.15h42

Migh Danae. disse...

Brigadinha!

Grace disse...

VOCÊ SABE QUE ALGUÉM É PAULISTANO QUANDO....


Na fala:
a) Chama o semáforo de "farol".
b) Diz "bolacha" em vez de biscoito.
c) Diz "cara" em vez de menino.
d) Diz "mina" em vez de menina.
e) Diz "bexiga" em vez de balão.
f) Diz "sorvete" tanto para picolé como para sorvete de massa.
g) Acha que não tem sotaque nenhum.
h) Ri do sotaque de todo mundo (gaúcho, carioca, mineiro,
nordestino, etc.)
i) Vê uma pessoa mal vestida e chama de baiano.
j) É extremamente possessivo, pois emprega a palavra "meu" em
praticamente todas as frases.

No clima:
a) Fala sobre o tempo para puxar assunto.
b) Enfrenta sol, chuva, frio, calor, tudo no mesmo dia e acha legal..
c) Sai todo agasalhado de manhã, tira quase tudo a tarde e põe
tudo de volta a noite.
d) Tem mania de levar o carro para polir no sábado ou domingo, o
carro fica brilhando, só que toda vez que vai sair com ele para
passear... CHOVE.

Na praia:
a) Fala que vai para praia sem especificar qual.
b) Fica a temporada no Guarujá, Maresias ou Ubatuba, mesmo que
chova mais do que faça sol.
c) Chama Ubatuba de "Ubachuva".
d) Fala mal da Praia Grande, mas toda virada de ano fica sem
dinheiro e acaba indo para lá.

Nas esquisitices:
a) Faz fila para tudo (ônibus, mercado, banheiro, elevador, etc.)
b) Repara nas pessoas como se fossem de outro planeta.
c) Cumprimenta os vizinhos apenas com oi e tchau.
d) Espera a semana inteira pelo final de semana e quando ele
chega acaba não fazendo nada.
e) Convida: "Passa lá em casa", mas nunca dá o endereço.
f) Chama o povo do interior de São Paulo de caipira.
g) Nas festas juninas chama vinho quente de quentão.
h) Toma o mesmo ônibus todo santo dia, no mesmo horário e não
cumprimenta nem o motorista, nem o cobrador, (que tb são sempre osmesmos).
i) Acha que quem não é daqui sempre joga lixo no chão.

Principal:
Ri de si mesmo ao perceber que tudo acima é verdade e encaminha
para todos os amigos.E como todo bom paulista, estou fazendo minha
parte...hehehehe.