Você que me lê, me ajuda a nascer.

sexta-feira, setembro 02, 2005

Ufflalai.

Amar você é fácil, me disse um cacho. Sabia de mim esse menino. Pena que não aproveitou pra me roubar o coração. Será que alguém pode viciar em Adriana Partimpim cantando "Sou eu assim sem você"? Eu viciei. Tou ouvindo já tem umas 2 horas. Uel, uel, uel, Ga-briel. Chove, chove, chove. Que bonito. Gosto de chuva, lá fora agora tem cheiro de terra molhada. Me lembra minha casa. Gosto de lembranças. Vi exposições e filmes e gentes e vidas muito legais esses dias todos e não escrevi porque tem coisa que é pra se guardar no coração, no corpo, aqui. Bem aqui. Ainda não sei direito como se separa isso, mas eu escrevi não. Caramba, como eu sou mesmo uma menina fortunada.

3 comentários:

Andre L.R.Ferreira disse...

Olá!!!!
Gostei do seu blog... Muito interessante, já adicionei no meus favoritos...
Pra permitir comentários anônimos vc vai no Painel de Configuração do Blog, daí vai em [Definições], [Comentários], [Quem pode comentar:] [Qualquer um]
Qualquer coisa me grita!

Abraços!

André Luiz Rodrigues Ferreira

Migh Danae. disse...

AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!

Anônimo disse...

Acho que consegui, ui!